Indenização de profissionais da saúde em debate

 

O Projeto de Lei que concede indenização de R$ 50 mil para profissionais da saúde incapacitados pela Covid-19, aprovado na Câmara dos Deputados e Senado, aguarda agora a sanção presidencial. O texto (PL 1.826/2020) também prevê a indenização de R$ 50 mil aos dependentes dos profissionais que tenham morrido ou que venham a falecer pela doença, por estarem na linha de frente.

Uma das autoras deste projeto, deputada federal Fernanda Melchiona, é a convidada do SERGS Debate desta semana. Melchiona estará debatendo os detalhes do projeto com a diretora do SERGS, Cláudia Silva, enfermeira que está na linha de frente da pandemia em sua atuação no Hospital Centenário, em São Leopoldo. Também terá participação especial durante o debate, o Senador da República Paulo Paim.

A enfermagem gaúcha está convidada a participar deste debate, que acontece nesta quarta, dia 22, às 18h, no Facebook do SERGS. Os(as) profissionais também podem enviar suas perguntas antecipadamente pelo email sergs@sergs.org.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × um =