Sindicatos aguardam a retomada da mediação no TRT4 e homologação das rescisões já feitas no IMESF | Sergs

Notícias

Sindicatos aguardam a retomada da mediação no TRT4 e homologação das rescisões já feitas no IMESF

 

SERGS, Sindisaúde e SOERGS, que representam os trabalhadores vinculados ao IMESF, seguem aguardando a retomada das negociações na  mesa do TRT-4, com a participação dos Ministérios Públicos e do Trabalho, como manifestado em ofício na última segunda, dia 27.

Os sindicatos reiteram que não é a prefeitura que determina local e forma de negociação. “A instância da mediação da justiça é o espaço para que se discuta o impacto dessas demissões. O município não pode fugir deste debate”, afirma Cláudia Franco, presidente do SERGS, que também esteve no Tribunal de Contas da União, apresentando documentos referentes à situação do IMESF e solicitando apoio do órgão na negociação, em audiência solicitada pela deputada federal Fernanda Melchiona.  Também esteve presente na audiência o conselheiro do SERGS e enfermeiro do IMESF, Carlos Fussiger Luz.

Cláudia lembra também que as demissões realizadas com o consentimento dos enfermeiros devem ser obrigatoriamente homologadas no SERGS, conforme prorrogação do Acordo Coletivo pactuada na última semana. “A Prefeitura acabou de assinar a prorrogação do acordo até a nossa data-base, em maio, então está valendo a regra de que nenhuma demissão é válida sem a homologação do nosso sindicato, o que não ocorreu até o momento”, complementa.

Compartilhe esta notícia