SERGS – chama acesa na defesa da Enfermagem, há 45 anos! | Sergs

Notícias

SERGS – chama acesa na defesa da Enfermagem, há 45 anos!


O dia 30 de novembro é uma data muito importante para a enfermagem no RS. Há 45 anos, era fundado o primeiro sindicato de enfermeiros(as) do Brasil, em plena ditadura militar.


Um sindicato que sempre foi aguerrido na luta pelas pautas da enfermagem e que contou, ao longo de sua história, com a energia de muitos homens e mulheres, defendendo a profissão e a saúde da população. Neste aniversário é importante lembrar a fundadora Celina da Cunha Tibiriçá (in memoriam), presidenta de 1972 a 1976, mas também a primeira presidenta eleita Flávia Hentschel (1976 a 1979) e os demais presidentes que a sucederam:




1ª - 1972 a 1976 – CELINA DA CUNHA TIBIRIÇÁ (in memoriam)

2ª - 1976 a 1979 – FLAVIA BEATRIZ LANGE HENTSCHEL, a 1ª presidenta eleita

3ª - 1979 a 1982 – FLAVIA MARIA PEREIRA TARRAGÓ

4ª - 1982 a 1985 – MARGARITA ANA RUBIN UNICOVSKY

5ª - 1985 a 1988 – GILSON ANTONIO RIZZARDI

6ª - 1988 a 1992 – ANA REGINA BOLL

7ª - 1992 a 1995 – ALTAMIR FELIX

8ª - 1995 a 1998 – NELCI DIAS DA SILVA –------ Vice Patricia Hoffmann Carvalho

9ª - 1998 a 2001 – ALTAMIR FELIX /  MARTA HELENA BUZATI FERT

10ª - 2001 a 2004 – EVERES AUGUSTO FIGUEIREDO DOS SANTOS (in memoriam) /                       MARIA REJANE SEIBEL

11ª - 2004 a 2007 – ANTONIO RICARDO TOLLA DA SILVA/ ELENARA CONSUL MISSEL

12ª - 2007 a 2010 – NELCI DIAS DA SILVA ---- Vice: Waleska Antunes da P Pereira

13ª - 2010 a 2013 – NECI DIAS DA SILVA ------ Vice: Sonia Silvestrin

14ª – 2013 a 2016 – CLAUDIA DA SILVA DOS SANTOS------Vice: Daniel Menezes

15ª – 2016 a 2019 – ESTEVÃO FINGER DA COSTA-----Vice: Claudia Carina Conceição dos Santos

 

 

 

Além disso, é importante lembrar todos(as) aqueles(as) que foram diretores, conselheiros e que estiveram ao lado do sindicato nas inúmeras lutas, porque um sindicato é muito mais do que uma diretoria, um sindicato é cada trabalhador e trabalhadora que compõe a sua base. E será tão forte quanto esses homens e mulheres o fizerem forte.


Bandeiras como as 30h na enfermagem, a aposentadoria especial, condições dignas de trabalho e acordos benéficos para a categoria sempre foram levantadas de forma coletiva pelo SERGS, em busca da qualidade de vida e trabalho dos enfermeiros e enfermeiras. 


Apesar de tantos retrocessos ocorridos neste 2017, a luta continua. Nada vai apagar a chama da enfermagem e convidamos você, enfermeiro(a), a continuar conosco trilhando essa estrada de conquistas, desafios e vitórias.





Texto e foto: Assessoria de Comunicação SERGS





Compartilhe esta notícia