Ação coletiva para insalubridade e adicional noturno no Hospital Humaniza

O SERGS ingressou com ação coletiva solicitando a correção do cálculo da insalubridade e do adicional noturno no Hospital Humaniza, do Centro Clínico Gaúcho.

O Hospital Humaniza foi inaugurado há pouco mais de um ano e a ação tem por objetivo garantir os direitos das enfermeiras e enfermeiros que atuam na instituição.

O sindicato está sempre atento às possíveis irregularidades existentes em contratos de trabalho nos diferentes estabelecimentos de saúde do RS. Mas é fundamental que os profissionais denunciem as situações ocorridas nos canais do SERGS, para que providências possam ser tomadas.

A ação foi movida pelo escritório Paese e Ferreira Advogados, responsável pelas assessoria jurídica do SERGS na capital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

14 − 7 =