O SERGS obteve sentença favorável em ação contra o Hospital São Carlos, de Farroupilha, referente a reajustes salariais que não foram pagos nas convenções de 2014/2016, 2016/2018, 2019/2020 e 2020/2022. Os valores têm repercussões em repousos semanais, feriados, horas extras, adicional noturno, adicional por tempo de serviço, décimos-terceiros salários, férias com 1/3, aviso-prévio e FGTS +40%, conforme a situação de cada enfermeira(o).

O sindicato tentou conciliação com o hospital no ano passado e não obteve retorno positivo por parte da instituição. Agora com a sentença dando ganho de causa ao SERGS, é dado mais um passo rumo ao resgate desses valores em haver. O processo ainda cabe recurso, mas é uma vitória importante do SERGS para as(os) enfermeiras(os) do São Carlos.

Valorize quem te representa! SERGS rumo aos 50 anos de lutas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

cinco × 3 =