Esclarecimento dos sindicatos para o Sr. Prefeito da Porto Alegre

 

Qual foi o objetivo da Adin?
Senhor prefeito, a Ação que todos os sindicatos ingressaram sempre teve o objetivo de acabar com esse troca troca que o Senhor insiste em continuar fazendo. Isso está lá escrito no texto da ação e o Senhor tem acesso a esse documento. Vale uma releitura.
Só pra lembrar o passado recente. O ICFUC já passou pela gestão da ciranda cirandinha da saúde da família em Porto Alegre. Vai repetir também as figurinhas que já não deram certo no passado?

Já que nosso digníssimo prefeito não se comunica com as entidades e nem mesmo com a população porto alegrense, faz só por meio de nota na imprensa (Será que é por isso que o Senhor prefere investir em publicidade ao invés de saúde, segurança e educação?). Temos questionamentos para o Senhor prefeito esclarecer:

Se existem prazos para recursos e não está terminada a discussão jurídica sobre o IMESF, por que o Senhor prefeito tem tanta pressa assim? Será que é devido ao ano eleitoral estar se aproximando e o Senhor prefeito tem medo do processo se arrastar e não ser concluso em sua gestão, fazendo assim com que seus assuntos tratados com as empresas, de forma informal, não possam se concretizar?

O que seu governo ganha com essas demissões, já que foi a administração pública de Porto Alegre que criou o IMESF? Por que tanta vontade de acabar com ele? Não seria a justiça que deveria ter essa iniciativa?

Por que a decisão da Adin não lhe “incomodou” até o presente momento, sendo que essa decisão que o Senhor prefeito berra aos quatro ventos, nem foi dada durante o curso de sua gestão e sim em gestão anterior?

O Senhor prefeito acredita mesmo naquilo que tenta “vender” para a população de Porto Alegre? Acredita que saúde é mesmo uma prioridade para o Senhor? Porque os números com gasto em saúde e com publicidade mostram o contrário.

Senhor prefeito, não é porque estamos no final de ano que vamos acreditar que o Senhor é o Bom prefeito. Isso guardamos para o Papai Noel e para a renovação no espírito de luta dos trabalhadores, que por sinal o surpreendeu, não é verdade? Achou que os valorosos trabalhadores da saúde, aqueles que conhecem de perto o sofrimento da população, não iriam se unir e fazer a discussão de forma pública? Acho que o Senhor prefeito subestimou os trabalhadores da Saúde e por isso esse desespero todo, essa pressa toda.

Mas, calma, prefeito, a verdade sempre aparece e a Porto Alegre de Mentira que o Senhor tenta vender só existe na sua imaginação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − onze =