SERGS prestigia lançamento do Nursing Now no RS

 

A diretoria do SERGS prestigiou nesta sexta, dia 6, o lançamento oficial do Programa Nursing Now no Rio Grande do Sul, promovido pelo Coren-RS, no auditório da Universidade Federal de Ciências da Saúde (UFSCPA). O Sindicato é um dos apoiadores da iniciativa, juntamente com um conjunto de entidades da Enfermagem.

Na cerimônia de abertura, a presidenta Cláudia Franco exaltou a importância deste programa para o empoderamento e a valorização da enfermagem. “É preciso unir as entidades e os profissionais para mostrar à sociedade a importância dos profissionais da enfermagem, evitando a precarização da nosa profissão”, afirmou. A diretoria do SERGS também se fez representada pelo vice-presidente Ismael Rosa, e diretoras Denize Cruz, Junara Nascentes Ferreira, Maria Lúcia Pereira de Oliveira e Thaise Wondrasek.

Ao lado de Cláudia, na mesa principal, estavam também o presidente do Coren-RS, Daniel Menezes de Souza, a conselheira do Cofen Rosângela Schneider, a presidenta da Aben-RS, Iride Caberlon, o diretor da Feessers, Carlos Airton Weber dos Santos e a professora da UFSCPA e coordenadora do GT Nursing Now no Rio Grande do Sul, Rita Catalino.

A presidenta da Aben-RS disse que é preciso promover uma reflexão sobre o papel da enfermagem para inovar as práticas, com maior investimento no desenvolvimento dos profissionais. Já o presidente do Coren-RS destacou a interlocução das entidades e a presença de representantes de diferentes regiões do estado, dos serviços de saúde, ensino e pesquisa em Enfermagem.

Onde há vida, há Enfermagem

O Nursing Now é o maior programa de fortalecimento da Enfermagem no mundo. Criado no Reino Unido, já foi lançado em mais de 30 países. Com o slogan “Onde há vida, há Enfermagem”, tem por objetivo valorizar a profissão, considerando seu papel central na concepção e implementação de políticas de saúde, para alcance das metas globais, nacionais e locais.

Entre as metas do programa no Brasil estão o fortalecimento da educação, a formação de profissionais de Enfermagem com foco na liderança e a disseminação das práticas baseadas em evidências.

O programa deve desenvolver ações importantes em 2020, que será considerado o Ano Internacional da Enfermagem, marcando as comemorações do bicentenário de nascimento da pioneira da profissão, Florence Nightingale.

Texto: Jornalista Laura Glüer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − treze =