Sindicato dá entrevista para a RBS sobre denúncias na saúde pública de Rio Pardo

 

     O presidente do Sindicato dos Enfermeiros do RS (SERGS), Estevão Finger da Costa, concedeu entrevista para a RBS TV sobre denúncias envolvendo a área da saúde pública em Rio Pardo. Segundo investigação da emissora e do Ministério Público, o Prefeito Rafael Barros é suspeito de romper um contrato com uma empresa terceirizada, contratando a Gamp, que estaria supostamente empregando aliados políticos do atual governo.
Para o presidente do SERGS, princípios básicos da administração pública acabam sendo prejudicados, como a impessoalidade, a moralidade e a legalidade. “A prática de terceirizar pode comprometer a qualidade dos serviços prestados. Quando a terceirização acontece, possibilita que pessoas acabem se aproveitando disso. Deixam trabalhadores competentes de fora e colocam apadrinhados, que nem sempre estão capacitados para prestar serviços de saúde, tão importantes para a população”, concluiu Estevão.
Vale citar que a Gamp atua em outros municípios e já é conhecida por atrasar salários e não cumprir com os direitos trabalhistas.

Juliana Leal Cardoso
DRT/DF 10.947-05

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × quatro =