Senhor(a) Deputado(a): não rasgue a CLT!

Neste dia 21, vote CONTRA a terceirização

Nesta terça, dia 21, deve entrar em votação na Câmara dos Deputados, em Brasília, o Projeto de Lei 4302, que trata sobre a terceirização em atividades fim das empresas. Este projeto pode simplesmente rasgar a CLT e uma série de conquistas da classe trabalhadora. Se a terceirização em atividades meio já é prejudicial aos trabalhadores, quando ela ocorre nas atividades fim de cada empresa, é ainda mais temerária, porque rompe com o vínculo que o trabalhador deve manter com o seu empregador, fere a segurança jurídica nas relações de trabalho.
O projeto tramita em regime de urgência e já teve o prazo de cinco sessões de votação expirado. Atende, sobretudo, o interesse das entidades patronais, que terão com a sua possível aprovação uma forma de flexibilização das relações trabalhistas, e mais do que flexibilização, PRECARIZAÇÃO.
A Enfermagem pode ser um dos setores prejudicados com a aprovação da terceirização. Profissionais poderão ser contratados(as) de forma terceirizada, propiciando maior rotatividade e descarte dos profissionais antes que eles adquiram alguns direitos.
A CUT está organizando atos de protesto em todos os aeroportos do país, com o objetivo de sensibilizar os(as) deputados(as) de cada Estado a votarem contra este projeto.
Você também pode fazer a sua parte: mande um email ou mensagem via redes sociais para seu deputado(a), grave um vídeo, faça sua voz ser ouvida. Se todos(as) os(as) trabalhadores(as) brasileiros(as) protestarem esse projeto não passará.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + 6 =